A Ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, reúne, amanhã, com a CIMDOURO, na Casa Agrícola de Cever, em Santa Marta de Penaguião, num almoço/reunião onde serão abordadas as preocupações dos municípios relativamente ao sector agrícola, um motor fundamental no desenvolvimento económico da região.
Como temas principais, teremos o sector do vinho e da vinha, o crucial e importante apoio à armazenagem tendo como consequência directa positiva a garantia  aos 20.000 produtores de Vinho do Douro. O  apoio à produção da maçã, que viu a sua  produção muito afectada  pelo granizo da última tempestade, e ainda, a questão dos regadios tradicionais na nossa região, as barragens já propostas com projectos aprovados e com os devidos pareceres das entidades, apenas à espera de dotação comunitária, que nesta matéria tem sido vítima de discriminação negativa.
Outras das grandes preocupações da CIM do Douro são os 10 milhões que os agricultores do Douro acumularam através das suas taxas ao IVDP e não chegam a região, numa altura em que atravessamos um dos períodos mais difíceis de sempre.
A ministra vai estar, da parte da manhã, em São João da Pesqueira, na Quinta do Pessegueiro, onde irá conhecer, para além do espaço, os trabalhos que estão a ser desenvolvidos nas nossas vindimas.
Para as 12h, está agendada a visita à Adega Alves de Sousa, já em Santa Marta de Penaguião. E, No final do Almoço/reunião com a CIM do Douro, a ministra viaja até Vila Nova de Gaia, onde vai terminar, a ronda de quarta-feira, nas Caves Ferreira.