Os Instrumentos Previsionais para 2021 da CIMDOURO foram aprovados hoje em sede de reunião extraordinária do Conselho Intermunicipal para posterior submissão à Assembleia Intermunicipal.

Contando com uma dotação de 6,3 milhões de euros, contem os recursos necessários para o desenvolvimento de um vasto conjunto de atividades, das quais se destacam a mobilidade e transportes (com uma dotação de 2M€); o cadastro das infraestruturas (com 1,8M€), a formação para as autarquias locais (com 212 mil €) e a defesa da floresta contra incêndios (com 143 mil €)

O Plano de Atividades para o ano de 2021, prevê ainda de forma simbólica, mas muito importante, uma dotação para a concretização do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) na região do Douro, já que a CIMDOURO desde sempre defendeu a participação e o envolvimento ativo da CIM e dos seus municípios na sua implementação.

Outro tema que continua a ter uma atenção especial e preocupação é o controlo da pandemia COVID-19 na região, já que a articulação entre todos os atores locais, regionais e nacionais, é decisiva no controlo desta pandemia.