Um dia histórico para o Douro

Foi assinado, na passada sexta-feira, no Museu do Douro, Peso da Régua, o protocolo de cooperação para a reativação da Linha do Douro entre Pocinho e Barca d’Alva. Assim se deu o mote para iniciar o estudo que pretenderá perceber, ao longo de 14 meses, quais os investimentos a fazer para que este troço da linha do Douro, seja intervencionado. Um troço de 28 quilómetros que foi encerrado, em 1988.

A cerimónia contou com a presença da Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa e do Secretário de estado das Infraestruturas, Jorge Delgado, a Secretária de Estado da Valorização do interior, Isabel Ferreira, os autarcas que integram a CIMDOURO, e outras individualidades do Norte e da Região.

O grupo de trabalho é coordenado pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N), representado na cerimónia pelo Presidente Prof. António Cunha,  junta ainda dois autarcas, em representação da Comunidade Intermunicipal do Douro, José Manuel Gonçalves, Presidente da Câmara Municipal de Peso da Régua e Eng. Gustavo Duarte, Edil de Vila Nova de Fôz- Coa,  e ainda as Infraestruturas de Portugal.